Nayara Costa


Minhas mãos estão ficando ressecadas com o uso de álcool, o que fazer?



Álcool, água, sabão, e mais álcool, e mais sabão... assim está sendo o nosso dia a dia, não é mesmo? Sabemos perfeitamente que as nossas mãos são as principais portas de entrada para o novo Coronavírus e mais um monte de outras doenças, uma vez que elas estão tocando todos os lugares e objetos ao longo de todo o dia. Mas com tanta higienização e limpeza excessiva, no fim do dia sentimos que elas estão extremamente ressecadas e com a sensação de que irão “rasgar” a qualquer momento. O que fazer? É exatamente sobre este tema que vou falar no texto de hoje. Vamos lá?!

Lavar as mãos de maneira correta é uma das recomendações de saúde que devemos levar para a vida toda. Porém, com a pandemia, essa recomendação se tornou uma ordem e virou, até mesmo, ponto de discussão no que diz respeito à saúde pública.  Contudo, toda essa limpeza acaba fazendo com que as nossas mãos fiquem mais ressecadas. Isso porque o sabão retira a camada de gordura natural da pele, o álcool causa uma desidratação profunda e o gel pode causar irritações e coceiras que evoluem para dermatites agudas.

Mas então o que fazer para ficarmos protegidos e com as mãos hidratadas? Muitas empresas de cosméticos encontraram a solução, e há muito mais tempo que o surgimento da pandemia: produzir álcoois em gel com essências e ativos hidratantes. Hoje em dia, encontramos no mercado produtos antissépticos que beneficiam a nossa pele de todas formas, com fragrâncias, cores e, até mesmo, com outras ações além de hidratantes e protetoras, como ação esfoliante por exemplo.

Mas são indicados álcoois com hidratantes? Não só são indicados, como podemos e devemos utilizar cremes hidratantes para aumentar a prevenção contra o ressecamento e o aparecimento de feridas, principalmente agora com a chegada do frio, que se aliou a todos esses fatores para o ressecamento da pele.

A recomendação dada por especialistas é que você use hidratantes específicos para as mãos, voltados para peles sensíveis ou ressecadas. Além disso, opte por aqueles álcoois na forma de gel e com hidratantes. A mesma regra vale na hora de comprar sabonetes, assim você ameniza os efeitos do ressecamento e garante proteção e hidratação. Use e abuse, quantas vezes achar necessidade, dos hidratantes ao longo do dia! Hidratar a pele nunca é demais.

Espero que tenham gostado destas dicas e explicações acerca de como nos mantermos protegidos e de como podemos proteger nossa pele de complicações dermatológicas. Mas lembrem-se: consulte um farmacêutico ou um médico especialista em desordens da pele para que te orientem corretamente sobre qual álcool/sabonete hidratante é o mais indicado para você, assim como os próprios cremes. Um abraço e até a próxima!



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Nayara Costa, no dia 22/05/2020

Nayara Carvalho Costa Matos


Farmacêutica Pós graduada em Farmácia Magistral


atendimentofreitas@yahoo.com.br
37695566



Comente esta Coluna