Opinião


Confira o artigo desta semana: A Fé e a Razão



Queridos amigos!

A fé é irmã da razão. Estas duas ferramentas que nosso Pai nos concedeu para evoluirmos, devem convergir para um mesmo ponto. O amor!

 Pois, tudo aquilo que o homem busca por meio da fé, é acreditar em uma potência maior, que nos criou e que olha por cada um de nós, comumente chamado Deus. O que não podemos esquecer é que tal condição de acreditar está intrinsecamente ligada ao quanto isso faz sentido. Muitos dizemos: "tenho fé", mas porque nos desesperamos tanto? Porque temos tanto medo da morrer assim que adoecemos, que falte água, que falte comida, que se inicie uma nova guerra, em fim, que o mundo acabe?  Se tivéssemos verdadeiramente fé em nossos corações, nada disso nos abalaria e ao invés de temermos, iríamos nos organizar afim do que depender de nós, nenhuma destas situações viesse ocorrer (e nem isso temos feito). É certo que catástrofes naturais ocorrem, e nada podemos fazer para evitá-las, excetos nos resignarmos e aceitar os fatos. Mas se adicionarmos razão a fé, tudo fará sentido, e não mais diremos: "eu creio", e sim "compreendo". O Espiritismo é o elo entre a fé e a razão, a ciência e a religião. O traço que faltava para explicar as leis que regem a dimensão espiritual e como interfere na dimensão material, esta que estamos momentaneamente.  Quando os religiosos aceitarem que a religião não explica tudo e os cientistas compreenderem que existem certas leis que a ciência ainda não compreende, dar-se-ão as mãos e sem mais extremismos e partidarismos, a religião não será mais desmentida pela ciência como ocorre a séculos e a ciência terá na religião um ponto de orientação acerca daquilo que está momentaneamente limitada de descobrir pela condição tecnológica.

  Assim, quando nós deixarmos apenas de crer, e passarmos a compreender, conheceremos como somos conhecidos. Perderemos nossa vida por amor a Cristo e encontrá-la-emos, pois o conhecimento da verdade é que nos liberta e não a crença nela, como o próprio Mestre Nazareno um dia nos ensinou.   Neste dia não haverá mais materialismo, por falta de matéria como a física quântica vem demonstrando e também o fanatismo está fadado ao fim por entendimentos que toda religião que transforma o indivíduo em alguém melhor, cumpre seu papel. Todos compreenderão que se querem ser respeitados, precisam respeitar e somente fazendo ao irmão o que gostaríamos que ele nos fizesse é que encontraremos o Reino de Deus que habita em nós mesmos.

 

 



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Rafaela Melo, no dia 02/12/2015


Comente esta Notícia