Política


Glaycon emprega esforços em ações em benefício da segurança pública regional

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública informou que já se encontram em andamento projetos de melhorias locais


Uma sequência de ações a partir do empenho do deputado estadual Glaycon Franco vem movimentando autoridades da área de segurança pública de Conselheiro Lafaiete e região. Acompanhado pelo deputado, o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp), general Mário Lúcio Alves de Araújo, ele visitou o presídio municipal de Conselheiro Lafaiete em 16 de agosto. Após assistir a uma apresentação técnica sobre o presídio, a comitiva fez uma visita às suas dependências. Diretores das unidades prisionais de Conselheiro Lafaiete, Barbacena, Re­sende Costa, São João del-Rei, Santos Dumont e Congonhas, cidades pertencentes à 13ªRISP, acompanharam a visita do secretário.
Em declarações à imprensa, o general Araújo se disse satisfeito com a estrutura en­contrada na unidade prisional e informou que já se encontram em andamento projetos de melhorias locais, que deverão começar em bre­ve. O secretário de Segurança Pública e Adminis­tração Prisional defendeu o estabelecimento de parcerias com faculdades da região, o que permitiria o acesso dos apenados ao conhecimento, pavimentando o caminho de seu re­torno à so­ciedade em condições bem mais favoráveis do que as que os levaram a se envolver com a criminalidade.
Para o deputado estadual Glaycon Franco, a presença em Lafaiete do secretário estadual de Segurança Pública renova a esperança de retomada de condições propícias para que os condenados cumpram as sentenças que lhes foram impostas e a sociedade tenha mais tranquilidade no dia a dia: “A segurança pública sempre foi uma preocupação nossa, agravada depois que tivemos um princípio de motim em Lafaiete, o que nos alertou mais ainda para a complexidade da situação. Mostramos ao general Araújo que é necessário melhorar a estrutura física do presídio, medida para a qual já liberamos recursos que vão começar a chegar”.
Através de um pedido realizado pelo Con­selho de Segurança Pública de Conselheiro La­faie­te (Consep), o deputado estadual Glaycon Franco, através de uma ação parlamentar, conseguiu junto à Diretoria Financeira da Polícia Civil de MG liberação de recursos para construção de uma “cela” para presos provisórios na De­legacia Regional, para manter presos em custódia sem se utilizar dos corredores do prédio, proporcionando mais segurança, tanto aos custodiados como às demais pessoas que necessitam dos serviços da instituição. Foi destinada, também, por meio do deputado Glaycon Franco, uma emenda parlamentar para melhoramento da estrutura física do prédio do presídio.
Dando sequência às ações sobre o tema, cinco dias após a visita do secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais a Conselheiro Lafaiete ocorreu, em Belo Horizonte, uma reunião com o desembargador Nelson Missias de Morais, presidente do Tri­bunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), quando estiveram presentes o general Araújo, o deputado estadual Glaycon Franco, os juízes da comarca de Conselheiro Lafaiete, Dr. José Aluísio Neves da Silva, Dr. Paulo Roberto da Silva e Dra. Célia Maria Andrade Freitas Cor­rêa, os prefeitos Mário Marcus, de Conselheiro Lafaiete e Hélio Campos, de Ouro Branco, além de outras autoridades.
Na oportunidade, foram discutidos vários assuntos importantes para o setor de segurança pública, de Lafaiete e região, entre eles, a doação, pelo município, de um terreno para a construção de um Centro Socioeducativo e a melhoria e ampliação de serviços do Poder Judiciário nas comarcas de Conselheiro La­faiete e de Ouro Branco.


O centro

Durante sua visita a Lafaiete, o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais, general Araújo, informou que o Centro Socioeducativo de Conselheiro Lafaiete está dentro do plano de expansão do segmento de recuperação de menores infratores a ser implantado em toda a Minas Gerais. A escolha e doação do terreno pelo município, bem como a cons­trução do futuro centro, dependem de estudos técnicos e procedimentos burocráticos que demandam tempo. Em razão disso, uma das alternativas propostas pelo secretário estadual de Segurança Pública é o aproveitamento de uma estrutura já existente que abrigaria um centro de reeducação gerido pelo município com a chancela do Estado, denominado Cemais - Centro Municipal Integrado Socioeducativo. “O prefeito vai estudar a sugestão e, posteriormente, retornaremos a Lafaiete para colocar esta proposta em prática”, afirmou o secretário.
A necessidade de um centro regional de reeducação foi reforçada pelo deputado Glaycon Franco para que os adolescentes infratores possam cumprir medidas socioeducativas mais próximos de suas famílias: “Sempre que temos adolescentes em inconformidade com a lei, so­mos obrigados a enviá-los para outras cidades em regiões distantes; eles ficam longe de suas famílias e isso dificulta muito a ressocialização para que possam, novamente, trilhar o caminho do bem”, argumentou o deputado.




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 30/08/2019


Comente esta Notícia