Região


Congonhas: Hospital Bom Jesus contará com um centro de imagens



Em breve, o Hospital Bom Jesus contará com um novo complexo hospitalar, que disponibilizará para a população, entre outros serviços, os prestados por um centro de imagem. Nesta quarta-feira, 27, visitaram as obras o prefeito Zelinho, o assessor especial de Governo, Ely Anunciação Ferreira, e representantes da mineradora Ferrous Resources do Brasil – o diretor de Relações Institucionais e Meio Ambiente Cristiano Parreira, o diretor de Relações Institucionais, Antônio Ferreira, e a advogada Raquel Nasif. A empresa aguarda o fim das obras do andar destinado ao tomógrafo, prevista para maio deste ano, para entregá-lo à Associação Hospitalar Bom Jesus. Em seguida, serão executadas outras etapas da edificação, até que este serviço possa ser disponibilizado a pacientes de Congonhas e região.

O recurso da ordem de R$ 1.290.683,35 para a sua aquisição foi garantido, após a assinatura do Termo Aditivo ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), entre o Ministério Público Federal (MPF) e a Ferrous Resource do Brasil S/A. Tal conquista se deveu à junção de esforços do prefeito Zelinho, da Comissão Interventora do Hospital e do Instituto Laborare, que operacionaliza a gestão da instituição; da procuradora da República, Dra. Laene Pevidor Lança, do promotor da Comarca de Congonhas, Dr. Vinícius A. Galvão, e do promotor de Justiça coordenador do CAO-SAÚDE, Dr. Gilmar de Assis; e do diretor da Ferrous, Cristiano Parreiras.

De acordo com o documento, que é baseado nas diretrizes e legislações do Sistema Único de Saúde (SUS), no mínimo 60% deste serviço deve ser prestado a pacientes do SUS.

 

Também no novo complexo do Hospital Bom Jesus, construído com recursos da ordem de R$ 5.200.000,00 repassados pela Prefeitura de Congonhas à instituição hospitalar, serão instalados dez leitos de Terapia Intensiva, novo centro cirúrgico e área de utilidades no Hospital Bom Jesus (HBJ).




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 01/04/2019


Comente esta Notícia