Política


PMCL garante volta às aulas no dia 4 de fevereiro; Estado retorna dia 7



Não é novidade que a crise financeira que atinge o estado de Minas Gerais tem gerado transtornos aos gestores municipais. E neste ano, a dificuldade pode comprometer algumas cidades até o início do ano letivo. A situação ficou ainda evidente na terça-feira, dia 22, quando os prefeitos vinculados à Associação dos Municípios da Microrregião do Alto Paraopeba (Amalpa) se reuniram para discutir os atrasos de repasses na área da Educação. Na oportunidade, a maioria dos administradores decidiu adiar a volta às aulas para depois do Carnaval. Esse não é o caso de Lafaiete: o prefeito Mário Marcus (DEM) decidiu manter o retorno do ano letivo conforme a previsão do calendário escolar do município.



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 27/01/2019


Veja também



Comente esta Notícia