Polícia


Corpo de jogador Daniel é liberado no IML; polícia diz que investigação está avançada



O corpo do jogador Daniel, do São Paulo, foi liberado pelo Instituto Médico Legal (IML) de São José dos Pinhais, no Paraná. Segundo a assessoria de imprensa do jogador, ele deve ser encaminhado até a manhã desta terça-feira para a cidade de Conselheiro Lafaiete,  onde mora a família do jogador.

 Daniel foi encontrado em meio a matagal na cidade paranaense, na região metropolitana de Curitiba.

A Polícia Civil do Paraná afirmou que a investigação sobre a morte está avançada. Ela também confirmou que, em apuração preliminar do IML, que a morte foi causada foi por uma arma branca. Ainda conforme a polícia, o órgão genital do jogador foi cortado. A apuração é do G1/PR.

A Polícia Civil informou que um inquérito policial foi instaurado na delegacia do município para apurar os fatos. Porém, não repassou nenhum detalhe sobre a investigação para não atrapalhar as investigações.

Daniel Corrêa Freitas nasceu em Juiz de Fora e tinha 24 anos.

Revelado pelo Cruzeiro, o meia passou ainda por Botafogo, Ponte Preta, Coritiba e estava emprestado pelo São Paulo ao São Bento, time que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro.

Jogadores que estiveram com Daniel, nos times que passou, lamentaram sua morte. Os clubes relacionados com o jogador também enviaram mensagens de pesar, entre eles, o São Bento, que se pronunciou em nota oficial.

"O Esporte Clube São Bento lamenta a morte do meia Daniel, confirmada pela assessoria de imprensa do atleta na noite deste domingo (28). O jogador foi contratado por empréstimo do São Paulo para reforçar o elenco do São Bento na Série B. A causa da morte ainda não foi informada. A diretoria do clube lamenta o fato ocorrido e se solidariza com a família e amigos do jogador nesse momento de profunda tristeza."

 

 

Por GloboEsporte.com ?" Curitiba




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 29/10/2018


Comente esta Notícia