Esporte


Lafaietense é artilheiro e craque do Cruzeiro



Aos 4 ou 5 anos, Felipinho j mostrava seu talento no futsal. Depois, no futebol do Mineiro, Ferrovirio e, por ltimo, no Projeto Obec/Atletique. Quando era levado aos jogos pela me, Simone, algum sempre comentava que o garoto era muito bom de bola. ?Eu ouvia, mas, para mim, eram todos iguais, porque eu no entendo de futebol?, enfatizou Simone.
O tempo passou e Felipinho sempre deixava sua marca como artilheiro e campeo em  Lafaiete. No comeo de 2018, disputando o campeonato do Instituto Mineiro das Escolinhas de Futebol (Imef), Felipinho enfrentou o Cruzeiro na Toca da Raposa e chamou a ateno do treinador cruzeirense Lo, que comunicou aos pais o interesse do time azul. Na mesma poca, um agente do Corinthians tambm gostou do futebol do garoto e entregou um carto ao pai, Elton. A princpio, a famlia nem acreditou muito, mas, depois, conferiu e era mesmo um agente oficial do Coringo.
Em maio, surgiu a oportunidade de treinar no Cruzeiro e, como foi aprovado, os pais contrataram um ?personal?, o Fbio Molla, para o aperfeioamento da forma fsica do garoto. ?O Felipinho um menino dedicado e completo nos fundamentos. Tem chute certeiro, veloz, habilidoso e sabe dar o combate na sada de bola?, destacou Molla, que tambm seu treinador no UFC Fut7, campeo no Dom Pedro II.
Em junho, a me, Simone, passou por uma exaustiva e at assustadora experincia. ?Resolvemos levar o Felipinho a So Paulo. Foi feita uma srie de exames mas, depois da apresentao junto com centenas de garotos e a reunio com os diretores corintianos, fui informada de que teria que deixar meu filho, todos os dias, s 8h, e s busc-lo s 17h. Isso, para mim, era o fim do mundo. Com 9 anos, meu filho nunca havia sado de perto de mim e eu tive como nica opo passar todos os dias daquela semana, s vezes at chorando, das 8h s  17h, sentada ao lado do porto do Parque So Jorge?, relatou Simone. Felipinho foi aprovado tambm no time corintiano mas, pela proximidade, a opo foi o Cruzeiro.
Durante o segundo semestre, os pais levaram o garoto ao Cruzeiro entre duas e trs vezes por semana. Felipinho foi campeo, artilheiro de sua equipe com 10 gols e craque da categoria na disputa do Imef. A fase muito boa para o garoto mas, para a me, nem tanto. Em outro teste em Belo Horizonte, Felipinho foi aprovado tambm e convocado para ser atleta do Colgio Batista Mineiro.
Para facilitar a vida do garoto com o aumento de dias de treinamento no sub-11 do clube celeste, no futebol de campo e no futsal, e para estudar na capital, a famlia est de mudana para Belo Horizonte. Com o Cruzeiro, Felipinho est na final da Copa Alto Paranaba, um torneio de futebol em So Gotardo (MG). A deciso do ttulo foi na quarta-feira, dia 30 (aps o fechamento deste caderno). Estaria a surgindo um novo camisa 9 para solucionar os problemas do Mano Menezes? Alguns lafaietenses tambm seguiram esses passos. Daniel Correa, Romeu e Jonathan surgiram para o futebol no Cruzeiro. Ygor e Jean, no Amrica. Todos ainda no mirim. (Amauri Machado).




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Esporte, no dia 08/02/2019


Comente esta Coluna